Google

Entre Herois 1: Patricia Fagundes e o musical de One Piece

Hoje o Heroi X inaugura um novo espaço para nossos leitores, Entre Herois. Este espaço destina-se a entrevistas com herois da cultura nerd, pop, otaku do momento, além de celebridades, dubladores e cantores. Já há alguns meses em planejamento, essa atração mensal chega até você. É a hora de colocarmos o pé na porta e desbravarmos o esconderijo de alguns herois.

Iniciamos com uma sugestão do nosso colaborador Denis Son Bastos que descobriu um talento em ascensão: Patricia Fagundes. Essa talentosa cosplayer e cantora deu origem a um vídeo musical Live Action de One Piece, o qual já bateu 100 mil visualizações do Youtube.

Monkey D. Luffy cosplay Patricia Fagundes One Piece A live action Musical

Agora deixo vocês com o meu amigo Denis e sua entrevistada. Dr. M. Barreto desliga.

Entre Herois edição 1: Patricia Fagundes, a musa de One Piece Live Action Musical

Hey Herois, prontos para adentrar no mundo de One Piece e navegar ao lado de Patricia Fagundes, aquela que emocionou otakus do Brasil inteiro? Eu sou Denis Son Bastos, colaborador do Heroi X desde sua fundação em 2009 e agora Entrevistador oficial. Muito Heropower para vocês e se divirtam com a entrevista, brows!

HEROI X: Seu video live-action de One Piece se tornou um marco entre os fãs brasileiros da franquia, conte-nos quais foram suas dificuldades e gambiarras para ficar tão perfeito?

PATRICIA FAGUNDES: Então, foi o vídeo mais divertido que eu já fiz na vida. Faria tudo de novo, se precisasse. Demorei um mês pra terminar, todos os dias gravando mais de um personagem. Minha pele chegou a ficar descascada, principalmente na região ao redor dos olhos, de tanta maquiagem que eu colocava e tirava.

Meus pais acham legal, né, cada hora eu saio do quarto de um jeito diferente. De vez em quando uso roupas deles também, porque não tenho todos aqueles cosplays. A grande maioria é improviso puro e meu namorado me ajudou bastante, principalmente com a filmagem e edição.

O personagem mais complicado foi o Smoker. Me babava toda hora tentando cantar com dois charutos na boca. O mais divertido foi o Absalom. Adoro fazer caras e bocas, e quanto mais complicada é a maquiagem, mais eu me divirto fazendo.

HEROI X: O que é o seu One piece? Qual a sua busca?

PATRICIA FAGUNDES: Boa pergunta. Não sei (risos) eu sou uma pessoa muito sonhadora, é difícil escolher uma coisa só. No momento, acho que meu maior sonho é terminar de escrever a minha trilogia, de Enfynie, e publicar tudo. Estou caminhando em direção a isso, pelo menos. É no que eu estou focando mais.

Veja também:  Boku Dake Ga Inai Machi: Anime com suspense e viagem no tempo

HEROI X: Qual personagem você mais gosta?  

PATRICIA FAGUNDES: Eu AMO o Mihawk. Sério. Cheguei a marcar a altura dele com lápis no meu armário, só pra saber o quanto eu teria que olhar pra cima se ele existisse (risos). Me julgue.

HEROI X: De fato é difícil competir com o Mihawk.

PATRICIA FAGUNDES: (Risos) Fala sério, ele é o máximo. Meu namorado nem conhecia animes, mas eu fiz questão de vesti-lo de Mihawk pra um evento de anime.

HEROI X: Qual você acha que tem a personalidade mais parecida com a sua?

Acho que uma mistura da Robin com o Chopper. Não sou tão séria quanto ela, mas tenho os mesmos interesses (antiguidade, leitura) e sou solitária.

Patricia Fagundes Simba real do musical

HEROI X: O que anda assistindo?

PATRICIA FAGUNDES: Olha, eu comecei a assistir Once Upon a Time pra matar a ansiedade que eu estava sentindo, esperando a quarta temporada de Game of Thrones. Sinceramente, achei a série bobinha e infantil, mas viciei no bagulho e não consegui parar de assistir até terminar a primeira temporada. Me julgue.

HEROI X: Não julgo, porque eu vi Once Upon a Time completo esperando a volta de The Walking Dead (risos). (Nota do Editor: A primeira temporada de OUT é muito boa!)

HEROI X: E Lendo?

PATRICIA FAGUNDES: No momento, estou lendo A Origem dos Nomes dos Países. Eu sei. Sou nerd. Me julgue de novo (risos).

HEROI X: Que leitura interessante! (risos) Agora fiquei curioso!

PATRICIA FAGUNDES: E o livro é legal. Vou começar a ler sobre a origem do nome da China (risos). Tô nos países da Ásia, olha que super interessante.

Projetos pessoais: Elfynie.

HEROI X: Sobre o seu livro, Enfynie – A outra dimensão, qual o significado disso pra você?  

PATRICIA FAGUNDES: Bem, vejamos… É o início da concretização do meu sonho. A felicidade que eu estou sentindo no momento é inenarrável. Se a editora não tivesse imprimido os livros com vários erros, eu estaria ainda mais feliz e empolgada.

Já tem um monte de gente lendo a história que eu criei, e tá todo mundo gostando, comentando, fazendo questão de vir falar comigo. Isso é tudo muito legal.

Esse livro é a minha cura psicológica. A personagem principal é baseada em mim. Fiz uma autoanálise e me joguei em outro planeta pra tentar sair da depressão.

Veja também:  HEROVIDEO 16: Dragon Ball Z - Abertura de Ultimate Tenkaichi Budokai em português!

Consegui melhorar muito depois que terminei de escrever esse primeiro livro… Espero que eu ajude outras pessoas da mesma forma. E se não ajudar, pelo menos vou entretê-los com um mundo novo… (risos).

Elfynie a outra dimensão capa do livro de Patricia Fagundes

HEROI X: No momento você está escrevendo a continuação, certo? O que de novo os fãs que já leram podem esperar?

PATRICIA FAGUNDES: Podem esperar uma jornada com mais perigos, incertezas e momentos difíceis na vida da personagem principal. Estou cada vez mais complicando a vida da pobre coitada (eu mesma). E também vai entrar um novo personagem principal. Esse livro vai ter uma nova visão de Enfynie. Não será tão focado na Natasha. Acho que é isso.

HEROI X: Você desenha muito bem. Há chances de seus livros se tornarem uma HQ?

PATRICIA FAGUNDES: Chances, sim. Só depende da minha paciência. A ideia original era fazer uma animação.

HEROI X: Sério?

PATRICIA FAGUNDES: Só que ia dar muito trabalho, então eu resolvi fazer um livro cheio de imagens, que vinha com um CD. Eu inventei um monte de músicas e ia dublar todas as falas e a narração, além de recriar efeitos sonoros. Não continuei com a ideia, não sei por que. Talvez fosse impossível… Pelo menos o livro eu publiquei! (risos)

HEROI X: O mercado literário brasileiro é como você esperava?

PATRICIA FAGUNDES: Sinceramente, ainda não deu pra saber, até porque meu livro acabou de ser lançado e eu estou esperando a editora reimprimir essa edição pra começar a anunciar no Youtube. Por enquanto poucas pessoas sabem que meu livro foi lançado. O que, de certa forma, é bom por causa dos erros. Mas mesmo assim, já consegui vender mais de 100 livros. Isso me surpreendeu. (risos)

HEROI X: Isso diz muita coisa né?

PATRICIA FAGUNDES: Com certeza! E mesmo com os erros o pessoal tá adorando. Estou me sentindo cada vez mais inspirada e empolgada. Por isso o segundo livro tá evoluindo rápido. Já terminei o primeiro capítulo (São 6, no total)

HEROI X: Nossa! Tem pessoas que levam anos pra fazer continuações, Isso acaba gerando vinculo com seu publico não é? Você os inspira e vice versa.

PATRICIA FAGUNDES: Eu escrevo relativamente rápido. A história inteira já está pronta, pra falar a verdade, só falta desenvolver. E sim, nosso vínculo é lindo. Nunca achei que fosse ter amigos tão lindos quanto esses.

Veja também:  HEROFIRST 5: Dragon Ball Z Light of Hope - Luz da Esperança (Web Série)

Chamo todos de “lindos”, e não é por causa da aparência. Até porque nem sei como a maioria deles é. Mas só pelo apoio e carinho que me dão, me deixam extremamente feliz e cada vez com mais fé na humanidade.

HEROI X: Quais projetos podemos esperar para este ano de 2014?

PATRICIA FAGUNDES: Além de Enfynie, pretendo lançar vídeos mais elaborados, no nível do One Piece – A Live Action Musical.

HEROI X: Você tem fãs bastante carinhosos, certo? Aproveite este espaço e deixe um recadinho pra eles!

PATRICIA FAGUNDES: A todos aqueles que me idolatram, e pra quem não me conhece também:

Antes, eu só queria chamar atenção. Agora que consegui, vejo que não era bem isso que eu queria. Meu objetivo mudou. Vocês me chamam de diva, deusa, um monte de coisas. Inspirei muitas pessoas a seguirem seus sonhos, ganharem novas habilidades (música, desenho, teatro, etc). Isso me deixa extremamente feliz

Meu recado é: Eu não quero “humilhar” ninguém mostrando o que eu sei fazer. Pelo contrário. Quero mostrar que, assim como eu, você também é capaz de conseguir fazer o que quiser. Sou um ser humano igual a você. Quero que vocês acreditem em si mesmos, corram atrás de seus sonhos e nunca desistam. Uma pessoa sem sonhos é uma pessoa morta. Tipo um zumbi, que anda sem rumo por aí, “vivendo” por instinto. Nosso mundo precisa de mais criatividade. Eu tenho fé na humanidade, tenho fé em todos vocês. É isso !

HEROI X: Patricia, em nome da equipe Herói X eu realmente te agradeço de coração por você ter cedido bem mais que uma hora e meia do seu tempo corrido.

PATRICIA FAGUNDES: (risinhos) eu que agradeço pela oportunidade e pelo carinho, claro (risinhos)

Isso é tudo por hoje pessoal. Muito atenciosa, Patricia não pensou duas vezes ao ser perguntada se poderia ceder a entrevista, devido a seu corrido tempo abriu mão de 2 horas da sua madrugada para nos dar essa entrevista para o Entre Herois e nos mostrar que é tão carismática quanto os personagens que ela se veste, ou cria.

AAdicione o Heroi X no FacebookTwitter, PinterestYoutube, Instagram e Google plus. Entre no grupo HEROPOWER.

3 Comments

Com a palavra você está