Batman – O legado do Morcego: parte 2 – Através das Eras do Quadrinhos

A série de artigos O Legado do Morcego continua hoje, falando das várias Eras dos Quadrinhos e das mudanças do Batman. Conforme os anos passam, os roteiristas e editoras procuram meios de redefinir seus heróis a fim de alavancar as vendas, conquistar e resgatar fãs. Para fins didáticos vamos dividir os períodos em: Era de Ouro (1938-1950), Era de Prata (1956-1970), Era de Bronze (1969/73-1985), a Era atual (até que se dê um nome definitivo a ela) e Os novos 52 (que deveria ser a atual “atual”).

Batman Arkhan city skin

Batman detective comics 27

Era de Ouro

Criado em 1939, por Bob Kane, Batman iniciou sua carreira nesse ano. Essa linha de tempo mostra Bruce Wayne como uma criança rica normal, a qual aos oito anos vê seus pais, os milionários Dr. Thomas e Martha Wayne serem assassinados por um ladrão comum, Joe Chill. Após isso Bruce é criado na mansão Wayne por seu tio Philip Wayne. Seu plano de vingança se inicia e ele começa a estudar tudo que lhe pode ser útil para combater os bandidos como artes marciais, criminologia, teatro, química, entre outros. Ao perceber que criminosos são seres supersticiosos, ele pensa em um disfarce que o ajude a lhes amedrontar. Um dia, um morcego invade sua janela, inspirando-o a usar o alterego Batman. Como todo justiceiro, no começo a força policial da cidade de Gotham não o aceitava, contudo com o tempo ele ganhou sua confiança e credibilidade, principalmente junto ao Comissário Jim Gordon.

Após um violento atentado resultando na morte de uma família de circenses, os Graysons Voadores, Bruce adota o órfão Dick Grayson, que se tornaria Robin. Na mesma década, Batman se torna membro fundador da Sociedade da Justiça da América, embora não participasse de muitas aventuras.  Batman faz uma parceria com a Mulher gato/Selina Kyle, chegando a casar anos mais tarde e ter uma filha, Helena Wayne. Com uma família formada, as atividades de Batman reduzem e somente em casos especiais ele aparecia para ajudar a policia. Bruce se torna o comissário de Gotham após a aposentadoria de Gordon, deixando o manto do Morcego para Dick Grayson (esta sua versão nunca foi Asa Noturna). Anos mais tarde, Bruce retorna para a última missão como Batman.

Ao se introduzir o conceito de multiverso DC, o Batman da Era de Ouro pertenceria à Terra 2 e teria sido zerado na Crise nas Infinitas Terras.

Capa de Batman anos 70 era de prata

Era de Prata

A partir desta Era, os elementos adicionados seriam os que acompanhamos até hoje. Os mesmos elementos da Era de ouro foram usados para dar origem ao Batman, tendo pequenas diferenças. Após assassinato de seus pais, Bruce é criado pelo mordomo da família Alfred. Bruce recebia seu treinamento de um policial de Gotham chamado Harvey Harris, e usava uma fantasia similar a do Robin. Em algumas aventuras ele visitou Smallville, e conheceu o então Superboy, trabalhando juntos em alguns casos. Bruce faz faculdade e desejava ser da policia, entretanto percebe que esse caminho não era o seu propósito. O nascimento do Batman acontece da mesma forma que na era de ouro, quando um morcego entra pela sua janela. Também nessa Era, Batman adota Dick Graysson como filho adotivo e parceiro.

Aqui se apresenta um motivo diferente para a morte dos pais de Bruce. O gângster Lew Moxon foi parar na cadeia por causa do pai de Bruce, contratando Joe Chill para forjar um assalto e matar o casal Wayne. Há um arco interessante aqui, pois Thomas estava numa festa à fantasia vestido de morcego quando desmascarou Moxon, sendo que ao prendê-lo Bruce também utilizou a mesma roupa, pois seu uniforme estava inutilizado. O bandido morreu atropelado por um caminhão na fuga após o susto.

Nessa era Dick Grayson deixa a vida ao lado de Bruce para fazer faculdade. Quando retorna a cidade ele resolve ficar por conta própria e tirar o titulo de parceiro do Morcego, adotando o alterego Asa Noturna. Em busca de um novo Robin, Bruce adota Jason Todd, um garoto com a mesma historia de Dick, órfão, filho de circenses, mortos por um assassino.

No inicio da Era de Prata, o Cruzado Encapuzado seguiu a tendência do mercado para o gênero da ficção científica (período em que os heróis da Marvel como Quarteto Fantástico e Homem Aranha começaram a ser criados), só retornando as raízes de investigação nos últimos anos da década de 70. Destaque para o Coringa que ganhou força como arquiinimigo (assim como Lex Luthor para Superman) e Bárbara Gordon estreando como Batgirl.

Batman the dark knight returns

Era de Bronze

A transição das Eras é apenas didática, por isto, a Era de Bronze inicia-se muito semelhante à anterior. Dick ir para a faculdade e voltar como Asa noturna e a aparição do segundo Robin foram histórias mantidas. Contudo, Jason Todd teve sua origem redefinida. Agora Todd era filho de uma Doutora com um mafioso e foi recrutado por Bruce pela sua atitude ao tentar roubar os pneus do Batmóvel.

A era de Bronze ficou marcada no ano 1986 pelas mãos do gênio Frank Miller ao produzir a minissérie Batman – O Cavaleiro das Trevas (The Dark Knight Returns). Cabe aqui um parágrafo especial para a obra máxima de Frank Miller.

10 anos após todos os heróis serem colocados na ilegalidade e Bruce ter deixado capa e capuz, pela morte de Jason Todd, vemos um bilionário sem propósito na vida, isolado de todos, a não ser por Alfred e Gordon. Com uma onda de crime e violência crescente pela gangue dos Mutantes, sua mente à beira da insanidade total e por sua sede de adrenalina e escuridão, Bruce Wayne retorna ao manto de Batman. Aqui há uma dissecção profunda da mente do Cavaleiro das Trevas, onde antigos vilões retornam para seu destino final, novos inimigos se tornam aprendizes e antigos amigos se tornam inimigos. Essa obra sensacional é a história definitiva do Morcego, sem a qual o hype de Batman hoje nunca teria existido, pois todo o tom dark e de lenda urbana imposto a ele veio desta minissaga.

Outra obra de Miller que marcou a era do bronze foi Batman – Ano um que recontava a origem do herói e seu primeiro ano como vigilante tendo que lhe dar com seus erros e acertos. Nessa história, Bruce, quando criança, cai em um buraco da mansão, onde centenas de morcegos voam assustados. Anos mais tarde, unindo seu trauma pelos morcegos ao que entra por sua janela, ele tem a idéia de se vestir como tal. Embora creditadas nesta Era, teoricamente pertenceriam já a atual.

Batman vs Bane

Era Atual

Chamada de Era de Ferro ou Era Sombria por muitos editores, está em vigência até antes d’Os Novos 52, sendo uma época em que os roteiristas tentavam aproximar quadrinhos e realidade cada vez mais.

Nessa era Batman tem que lhe dar com a morte de Jason, que foi assassinado por Coringa na saga Morte em Família de 1988, na qual os leitores votaram se o acontecimento do “What’s if…” O Cavaleiro das Trevas aconteceria ou não, ou seja, a morte ou não do segundo Robin. Aqui também surge o terceiro pupilo e primeiro não órfão/filho adotivo, Tim Drake, o Robin III.

Essa era mostra o vigilante de Gotham como um ser sombrio, tal qual foi definido por Miller. Batman é considerado como a verdadeira personalidade, sendo que Bruce Wayne seria somente uma mascará na qual ele se esconde. Esse é o mesmo Batman que conhecemos e que serviu para a criação do Batman de Christopher Nolan.

Destaque para o arco A Queda do Morcego, na qual Batman é forçado pelo novo vilão Bane a chegar ao seu limite. Libertando todos os bandidos do Asilo Arkham, Batman passa meses prendendo-os, estando exausto ao final, quando Bane então o enfrenta e quebra-lhe a coluna, o deixando paraplégico. Assim Jean Paul Valley, ou Azrael, um discípulo seu, toma o manto de Batman, porém após ao místico retorno de Bruce e por suas ações violentas, Azrael é destituído do cargo. A adaptação desta história é que será o terceiro filme de Batman de Chris Nolan e Christian Bale, The Dark Knight Rises ou O Cavaleiro das Trevas Ressurge.

A popularização dos arcos de história criou grandes Sagas como esta e Terra de Ninguém, Descanse em Paz, A Sombra do Morcego e o recente “Batman Inc.”, na qual Bruce Wayne franquia o Batman. Como as vendas estão diminuindo progressivamente, estes arcos vem com histórias bombásticas a fim de alavancar as vendas.

Batman novos 52 new

Reboot: Os Novos 52

A DC planejou um reinicio a todos os seus títulos, e esses acontecimentos seguem logo após a saga FlashPoint. Maior parte do arco Batman está intacta e esse novo reboot começa com uma fuga em massa no Asilo Arkham e Batman tentando ajudar a força policial. Além disso, Bruce Wayne resolve revelar que ele financia as ações do Cavaleiro das Trevas sem revelar que ele é o próprio morcego. Ao reassumir o manto de Batman, deixa seu filho com Talia Al’Ghoul, Damian Wayne como Robin, sendo Tim Drake como Robin Vermelho e Dick Graysson deixando o manto de Batman para retornar ao de Asa Noturna.

Bob Kane, Bill Finger, Frank Miller, Dennis O’Neal, obrigado por escreverem sobre o Morcegão e nos brindar com tantas grandes obras!

Fique com o trailer de O Cavaleiro das Trevas Ressurge:

Por: Dr. Mauricio Barreto e Patrick Duarte

Adicione-nos no Youtube, Facebook e Dr. Mauricio Barreto (@morfeubarreto) e/ou o Patrick (@Pensa_livre).

Leia também:

Shinobi Legends Episódio 1- Nasce uma Lenda Ninja – Capítulo 1: Yan

Hulk live action: Através das Eras

Goku versus Superman: O encontro de dois mundos

Yu Yu Hakushô, o Anime Perfeito

Shurato – Anime Clássico sobre Cavaleiros de Armadura


Comentários

Batman – O legado do Morcego: parte 2 – Através das Eras do Quadrinhos — 4 Comentários

  1. Em 1986, Frank Miller lançou Batman – O Cavaleiro das Trevas (nome correto: The Dark Knight e não “Dark Knight Returns” DK2)

  2. Caro Dan, reveja sua fonte. O nome no Brasil ficou Batman – O Cavaleiro das Trevas, contudo o original é sim The Dark Knight Returns, pois faz alusão ao retorno de Bruce à capa e capuz após 10 anos de aposentadoria.
    A pifia continuação, não tenho certeza, mas é algo como The Dark Knight Returns 2.

  3. Pingback: Batman – Entenda o personagem |

  4. Dr. M Barreto, você está correto no nome original de Cavaleiro das Trevas, mas a segunda parte, que é a ruim, como você falou (minha opinião também) é The Dark Knight Strikes Again.

Com a palavra você está