Google

Homem de Aço – Este não é o Superman! O que aconteceu com o Homem do Amanhã?

No ano em que o maior herói da Terra completa 75 anos, um filme foi lançado para lhe homenagear. No entanto, apesar do uniforme azul, da capa e do S vermelho no peito, este não é o Superman. É, sem dúvida, um Homem de Aço com incríveis poderes e capacidades além das de qualquer humano, contudo ele não tem a alma do Superman.

poster do filme Homem de aço voo no S do Superman

Há mais no Superman do que apenas o uniforme e seus poderes. Ele é representação máxima do Deus que quer ser humano, tal qual Zeus no passado, se disfarça de humano para viver aquilo que sua “divindidade” o privaria. É alguém que nasceu e sobreviveu do amor. Foi salvo por Lara e Jor-El como seu último sopro de vida e esperança e foi criado por Jonathan e Martha Kent para ser bom e apenas isso. A escolha de tornar-se um símbolo de esperança e bondade foi sua escolha.

Isso tem que ficar muito claro, sua condição de ser superpoderoso é algo que naturalmente lhe levaria para o caminho da arrogância, do egoísmo e destruição. O poder corrompe. Vemos isso quando alguém ganha certo poder (como artistas, jogadores, grandes empresários) e começa a agir desse jeito.

O homem de aço poster

Contudo, a frase é incompleta: o poder corrompe as pessoas fracas. Quem teve uma boa educação e tem força de vontade, não sucumbe, não se modifica. Ele evolui conforme sua condição, porém sem alterar seu coração. É isso que o Superman personifica. Numa Era em que os valores familiares estão deturpados, as escolas não mais ensinam e a mídia distorce o significado de heróis, ele deveria surgir trazendo novamente os valores aprendidos naquele rancho do Kansas, trazendo a luz e a esperança de volta à humanidade.

Veja também:  Primeira foto do uniforme do novo Homem Aranha

Superman é alguém que faz as escolhas que as pessoas normais não fariam. Ele não mata, não por medo de repreensão ou por achar que não é merecido, mas por saber que matar é a escolha errada, embora, por vezes, a mais fácil. Pergunte a qualquer soldado, policial ou civil que retirou uma vida: algo muda irremediavelmente. Quando o Superman mata, quer seja nos quadrinhos ou na TV, acaba por se tornar uma versão maligna. Isso é um fato. Alguns vão citar vezes que o Superman matou em Grafic Novels e isso não aconteceu, porém eu vou te perguntar: quantas vezes ele esteve disposto a dar a sua vida pelos outros? Tanto pelos oprimidos quanto para não matar o opressor! E não diga que é impossível matá-lo, pois a Kryptonita, Radiação do Sol vermelho e Darkseid estão ai para provar ao contrário.

homem de aço na prisão superman

A obscessão do diretor Zack Snyder por fazer Superman (Henry Cavill) assassinar Zod (Michael Shannon), depois de uma luta onde milhares devem ter morrido, foi a última cereja estragada de um bolo que já não estava tão gostoso. Desde os momentos com uma família Kent que pouco o ensina a ser uma boa pessoa, passando por uma tentativa de contextualizar o envolvimento e a identidade de Lois (Amy Adams) e Clark até a luta final, o filme contabiliza muitos conceitos tensos e fora do que significa ser o Homem de Aço. Na cena final, Superman poderia ter tapado os olhos de Zod, voado com ele para a estratosfera ou descido para o subterrâneo. Ou ainda se jogado na frente e ter recebido o ataque diretamente, mesmo que isso significasse sua morte. Matar era a última opção para o verdadeiro Homem do Amanhã, contudo, a mais fácil. Não é o que Clark Kent faria.

Veja também:  Imagens da Semana 20: Heróis na depressão pós Os Vingadores!

Não senti o dedo de Nolan nesse filme, mesmo com seu nome nos créditos. Muito possivelmente, a Warner/DC usou da confiabilidade adquirida por ele na série Batman para evitar a má-recepção do público. Tanto é assim que ele já dizia muito antes que não estaria mais envolvido com os próximos filmes, ficando apenas como consultor (novamente para deixar seu nome no projeto). Sendo o próximo filme Batman x Superman, parece óbvio que Christopher Nolan não quer ver seu filho ser manchado pela tinta da morte como foi o Kryptoniano. Espero que se forem fazer um filme da Liga da Justiça, este filme seja esquecido, assim como era o plano original, pois dos três superheróis (Lanterna Verde, Superman e Batman), apenas o morcegão é digno de integrar a equipe.

Não sei para onde vai o Homem de Aço do cinema, porém eu sempre vou me fazer uma pergunta que não será ele a me responder, mas o Superman que eu aprendi a respeitar ao longo dos anos: “O que Clark faria nessa situação?”.

E quando você se apresentar ao mundo… Olharão você no céu com esperança no amanhã. Ajudará todos a alcançá-la.

Senhor Destino em Smallville.

Adicione o Heroi X no FacebookTwitter, PinterestYoutube, Instagram e Google plus. Entre no grupo HEROPOWER.

Leia também:

Goku versus Superman: O encontro de dois mundos

Batman – O Legado do Morcego: parte 1 – O Cavaleiro das Trevas

HEROVIDEO 7: Os Vingadores – O filme: versão de 78

E se Dragonball fosse americano?

Perfil: Guilherme Briggs, o rei dublador

14 Comments

Com a palavra você está