Google

Death Note – Quando se estraga a melhor idéia

O anime e mangá Death Note é considerado por muitos o melhor já produzido, no entanto este título deve ser usado com parcimônia. Death Note tocou a perfeição, no entanto preferiu se entregar a clichês, enrolamentos e falta de criatividade.

Death Note all character

Death Note foi criado pelo roteirista Tsugumi Ohba e desenhado por Takeshi Obata, publicado de 2004 a 2006 na Shonen Jump, num total de 108 capítulos, posteriormente animados em 37 episódios pela Madhouse. Para iniciarmos a conversa cabe aqui um resumo da história:

O texto a seguir contém revelações do enredo (spoilers).

Em Death Note, Light (Raito) Yagami é o estudante mais brilhante do Japão, talvez a pessoa mais inteligente do país. Entediado com sua vida sem obstáculos, ele se depara um dia com o caderno da morte, Death Note, e descobre o poder que o caderno tem de matar qualquer pessoa que tenha seu nome escrito no caderno e o rosto na mente do escritor, podendo até mesmo indicar a causa mortis. Em contanto com Ryuuk, o shinigami responsável pelo caderno, ele descobre que pode usar o caderno como bem entender. Ele então decide matar todos os criminosos do mundo de ataque cardíaco (pois caso o nome fosse escrito sem especificar a causa da morte a vitima morreria de infarto) para que o mundo visse sua marca e soubesse que há alguém julgando seus crimes. No entanto, ele mesmo diz que após matar os grandes criminosos, começará uma limpeza contra pessoas com pequenas infrações, deficientes e doentes. Ele começa a ser chamado de Kira nos recônditos da internet e das diversas mídias. As autoridades então chamam o maior detetive do mundo para descobrir sua identidade, L. Sozinho e astutamente, L descobre que Kira está no Japão e junto da policia local começa uma caçada contra ele. No entanto Light possui a vantagem de seu Pai ser o chefe das investigações e não desconfiar que ele é Kira. Assim nasce um combate mental entre Kira e L, cada um com brilhantes estratégias, deduções e investidas perigosas para Light saber qual o rosto e o nome de L e deste saber a identidade do assassino.

Veja também:  Herofacts 1: Fear The Walking Dead - 7 erros básicos

Uma idéia original e que destoa completamente de tudo o que já fora visto antes na Shonen Jump. Tsugumi mostra em Death Note que tem a incrível capacidade de criar situações que parecessem sem saída e igualmente criar soluções brilhantes para ela. Com este poder, ele fez de Death Note uma história inteligente ao extremo, um jogo de xadrez (ou seria Shogi?) entre Kira e L. A trilha sonora épica, quase religiosa em alguns momentos, deixa tudo muito mais emocionante e a abertura eletrizante do anime dá o tom certo para começarmos a diversão.

Death Note L

Enquanto o jovem Yagami é sem sal, apenas um bom jogador sem escrúpulos que faz tudo pra sobreviver, L é o oposto. L é o personagem mais carismático de toda a história, sem dúvida. Um gênio introspectivo (quase autista às vezes), jamais coloca os homens sobre sua tutela ou a população em risco desnecessário. Sabe calcular como ninguém a probabilidade de fatos ocorrerem. Seu estilo de cabelos negros contrastando com a pele muito branca e olheira fundas, lhe dão um ar interessante que junto de seus trejeitos, tiques e manias o fazem ser amado por todos os fãs da série.

A história de Death Note transcorre bem nos primeiros episódios, até que um segundo Kira aparece. A idéia, a principio genial, logo é mal utilizada. Pra piorar, aparece o maior clichê de todos, Misa Amane, a pior personagem da série, uma bela e famosa jovem que a todo custo deseja se tornar namorada de Light e que é protegida pelo Shinigami Remu. Não tarda para Light usar Misa seus fins inescrupulosos.

Então de uma hora para a outra, as boas idéias de Death Note acabam e o mangá afunda, levando o anime junto, obviamente. No entanto, as pessoas continuam lendo para saber o final, o que a Shonen Jump sabia que ia aconteceria e ordenou que a história fosse estendida para lucrar mais. E então uma empresa toma a posse do Death Note, após uma jogada de mestre de Light e quando eles estavam perto de ser descobertos, a história esquenta novamente e o clímax de tudo ocorre quando o grupo de L põe as mãos no caderno. Aí, nosso caro autor Tsugumi dá um tiro no pé com uma calibre 12 (Ou seria engolir uma granada?): simplesmente ele mata o protagonista da história!!! Não, ele não mata Light Yagami, mata L!! Sim, ele era o protagonista do segundo episódio até o 25º do anime. Kira sempre nos foi secundário, era L quem mantinha Deat Note nos eixos e agora ele se foi. E então os restos mortais de Tsugumi inventam uma história sem pé nem cabeça de “dois gênios mirins rivais maluquinhos que aprontam altas confusões num orfanato do barulho” que são o legado de L. O comedor de chocolate Mello Melado perde o posto de sucessor de L para Near Noiado e vira um gangster para pegar Kira! Enquanto Near se autodenomina N e persegue o serial killer. A esse hora, existem milhares de pessoas que apóiam Kira pelo mundo, chamando-o de Deus do novo mundo.

Veja também:  Arnold Schwarzenegger em novo projeto de quadrinhos!

Então, com uma tremenda falta de criatividade e muita enrolação, após 12 episódios (que seriam bem mais se não tivessem retirado várias cenas do mangá), Near com ajuda póstuma de Mello desmascara Light Yagami e este acaba morto pelas mãos de Ryuuk. O episódio final até que foi emocionante, mas esta fase não (isso me lembrou do final de Dragon Ball GT que foi maravilhoso, num anime tosco).

Aquele que poderia ter sido o melhor de todos os anime/mangás tornou-se apenas uma história muito boa. Mais uma vez o dinheiro falou mais alto do que o juízo do autor e ao invés de termos um épico embate final entre L e Kira em 15 ou 20 episódios bem feitos, foram 37 episódios mal coordenados. Pelo menos o lucro foi maior! Eu realmente amo o capitalismo selvagem…

Abertura do anime:

Trivia:

A fonte do nome de L é Old English Text;

O verdadeiro nome de L é Lawliet; Ryuzaki foi o pseudônimo utilizado por L junto à polícia, sendo pronunciado no ocidente como Liuzaki;

O Final é parcialmente diferente no mangá, onde o clímax é mais simples e o final de cada personagem é definido após este;

Watari foi baseado em Dr. Watson, o melhor amigo do grande detetive Sherlock Holmes;

Há 41 regras de uso do Death Note;

Houveram 3 filmes live action japoneses contando a história do mangá, sendo o último um solo de L. Há rumores de que uma versão americana está em pré-produção.

Adicione o Heroi X no FacebookTwitter, PinterestYoutube, Instagram e Google plus. Entre no grupo HEROPOWER.

Leia Também

Yu Yu Hakushô, o Anime Perfeito

Fullmetal Alchemist: Da alquimia ao sucesso

Samurai X – O filme: O retalhador também conquista no cinema

HeroTv Episódio 2: Os Cavaleiros do Zodíaco – A lenda do Santuário

Toriko: Um mangá diferente, mas igual

  • Alex

    Dicordo inteiramente. Light sem sal?Ele é o oposto perfeito para o L, que por sinal NUNCA foi o protagonista, ambos se complementam. Apesar de parecer que é abordado anime e mangá, você aponta os defeitos do anime, e fala como se Ohba tivesse alguma coisa a ver com isso. Entretanto, respeito sua opinião, afinal temos o direito de nos expressar.

  • Se o roteirista do desenho não tem a culpa por estragar o roteiro, então quem tem?

  • Alex

    Eu estava me referindo aos erros presentes SOMENTE no anime, do qual Ohba não teve participação.

  • Bem, quais os defeitos somente do anime que eu postei? Que eu saiba a história de ambos é basicamente a mesma.

  • marcelo

    “Houveram 3 filmes live action japoneses contando a história do mangá, sendo o último um solo de L. Há rumores de que uma versão americana está em pré-produção.”

    e aeee ainda ama esse ca´pitalismo selvagem??

  • Felipe

    Olha, eu concordo que estragaram a melhor idéia tambem, por alguns motivos que você citou, mas não todos.
    Eu acho o L legal tal, mas chegou um certo ponto que começaram a forçar em alguns episódios, eu só vi o anime mas não terminei de ver todos os epispódios por que começou a ficar chato demais…

    Tipo o L parece que lê mentes sabe, ele sabe tudo, nunca erra, tem absoluta certeza que o Light é o Kira, eles até colocam umas algemas um no outro pra ficarem sempre juntos, dai tem um episódio lá que o Light resolve ficar numa cela aprisionado lá, na minha opinião foi ridiculo isso tudo acontecer, o L tinha que se basear em mais provas sabe, pra depois acusar o Light daquele jeito…

    Emfim, eu tava gostando muito da série, mas na minha opinião estragaram tudo, não sei como ficou o final, mas depois disso tudo aí que eu falei aontecer perdi a vontade de assistir.

  • Jack Noir

    Quem considera Death Note o melhor anime/manga deve achar que Matrix é um filme complexo e Call of Duty um jogo bom. Nyo ho ho ho

  • Crysmx

    certeza q L era o principal ali
    depois q ele morreu no anime eu parei de assistir e nao eh brincadeira.. nao sou fanatico..mas ficou tao chato e tao sem sal q perdi a graça de terminar o anime… i fim do anime pra mim foi a morte ed l q por sinal melhor personagem feito ate hj.

  • Laka

    O melhor final é o do Live Action (não o solo do L, que é um lixo).
    Seria muito bom se o anime tivesse acabado da mesma forma.

  • Bruno

    Concordo com a maioria das coisas – Referente a extensão desnecessária do anime.

    Deveria ter acabado ou com L vivo e kira morto na primeira temporada, ou os dois mortos. Aqueles 12 episódios finais são difíceis de engolir.

    Mas eu gostava dos dois personagens, achava os dois bem elaborados.

    A Misa poderia ter sido mais interessante pro anime se não tivesse um Shinigami.

    Enfim, um bom anime, valeu o tempo quando assisti, mas poderia ter sido genial.

  • fausto

    Discordo quanto a muitos pontos abordados tambem. Light sem sal…por exemplo é uma delas. Os dois se completam como colocou um amigo acima. Concordo que a historia desandou, mas não no mesmo ponto que vc. Para mim, desandou no ponto em que L morre e enterra o anime na ultima cena onde Kira suplica pela vida. Dois erros grosseiros.

  • Niban

    Achei o Raito um personagem muito mais interessante do que o L. Em várias obras nós vemos detetives super inteligentes, por isso eu não achei nada demais. Lógico que também vemos vilões super inteligentes, a questão é que nessa história o Raito não é um vilão, e sim um anti-herói, com um senso de justiça próprio, o que deixa as coisas mais interessantes.

    Mas concordo quando você fala do papel do Mello e do Near. Foi lamentável.

  • ahiauhaiuahiauha Raito não é protagonista?????? kkkkkkkkkkkkkkkkk, Raito é supremo… morreu por confiar em outro servo que fez merda!!! Porem acho que se fosse pra ser pego… teria q ser pelo L.
    Raito começou com bons ideais onde acabou virando uma locura por um mundo mais puro!!
    adorava ver quando mostrava ele falando em seu pensamento aiuhiauhaiuhau muito loco !

  • Wasat

    Bem, quais os defeitos somente do anime que eu postei? Que eu saiba a história de ambos é basicamente a mesma.

    Se entregou. Anime de Death Note é um lixo, totalmente corrido e cheio de pontas soltas. Jamais escreve sobre algo sem ter lido o original, é a mesma coisa de eu resumir Senhor dos Anéis vendo os filmes.
    Lamentável.

  • Artur Lins

    axei escrotao tmb o L ter morrido, concordo com o autor akele Near e Mello nunca deviam ter existido, só nao concordo com a critica sobre a Misa

  • William Martins

    “dois gênios mirins rivais maluquinhos que aprontam altas confusões num orfanato do barulho”
    Narrador da Sessão da Tarde RULEZ !!
    ushaushaushuahsuahsuhaushauhs

  • Tolito

    Sou mais o Hell girl
    E melhor anime é Evangelion

  • May

    Realmente foi uma das estórias mais originais e interessnates q eu já vi, apesar desses desvios no meio do anime se mantém como um dos melhores mangás criados.

  • Viciada em animes

    quando descobri o death note, foi incrivel melhor anime que ja tinha visto, em 4 dias eu vi todos os episodios loucamente, e quando vi a merda que esses caras fizeram com o anime tao bom, desgostei totalmente de death note, mas ainda o considero, pois os primeiros episodios sao muito bons, mas enfim virou uma porcaria que devia ser enterrada pra sempre, e se alguem como o produtor faz isso com uma conceito tao brilhante, certamente o final do anime torna -o um completo idiota .

  • Lucas

    A cara, depois que o L morreu e veio aquelas outros desanimei de acomparnhar o anime..

  • Thaiii

    lol

    ru gostei muito do anime, mas em como na maioria dos animes, para o final, foram 2 episódios, um com o Near falando e o Raito pensando e o outro com a ação. é muito complicado analizar essas coisas como pontos negativos e positivos…

  • L era um dos personagens principais, e não poderia ter morrido. Ficou meio sem lógica mesmo.

  • ramon

    Realmente o L. era disparado o melhor personagem da história.O protagonista Raito é insuportável.

  • Eu

    Concordo plenamente. Assisti os dois filmes (só não vi o do L, que é uma história paralela) e posso afirmar com toda certeza que o final dos filmes é exatamente o que deveria ser o final do anime. É diferente e MUITO melhor!

  • Lucas Sanfelice

    O que estragou o anime foi o final…
    Ambos Raito e N tinham certeza que estavam um passo a frente do outro, e o N ganhou por uma bobagem, aquele loco que ajuda o Raito foi no banco 2 vezes por mes.
    Uma coisa tao simples, ate a maneira como o L descobriu que o Raito tava no Japao foi mais complexa hehehe.

  • Silvestre

    pra mi Yagami sempre foi o protagonista da estoria!

  • Na verdade, jogar a culpa no Mikami é um erro muito comum.
    Se Raito não tivesse usado Mikami, ele certamente já teria sido pego antes. Mikami não errou, foi Raito que errou ao escolher um novo dono para o caderno. Near ter descoberto tudo foi uma evolução natural de uma sucessão de pequenas falhas que Raito acumulou em seu plano.

  • Azevedo

    Assisti o anime e li o mangá, usaram 25 episódios para 7 vol (até a morte de L) e 12 epi para o 5 vol restantes, por que os 25 primeiros são melhores, seguem no ritmo do mangá. Agora em relação a L, acho que o autor deixou bem claro que Light foi superior a L, já que foi morto/derrotado por Light . A morte de L, na minha opinião, é o verdadeiro final do manga/anime, a vitória de Light (o deus do novo mundo), mas que, por questões éticas/morais e financeiras (devido ao sucesso), foi prolongado pelo autor para render uns trocados a mais e mostrar a derrota/morte de Light.

  • Felipe

    Concordo, kkk
    Tipo, eu tava assistindo os primeiros episódios talz e mew, tava demais, mas fuderam tudo essa história depois, uma história que parecia tão original ficar desse jeito do nada

    E olha que eu nem sou tão fã assim do L, e achei que estragaram a história, já quem é fã tambem acha a mesma coisa, ou seja, fica bastante claro que realmente Death Note virou uma palhaçada sem limites.

    Triste

  • Lucas Mello

    Death Note está MUITO LONGE de ter sido um grande anime, vários outros animes trabalharam muito melhor com toda essa parte de fraqueza e pensamento puramente humano, e de forma mais adulta, mais fundamentada, e com MUITO MENOS clichês, como Gantz, Evangelion, Grave of Fireflies…

    Desde o começo da história deu para notar que ia acabar dessa forma, só pela maneira que as coisas corriam e a rapidez que criou fanboys, se deu um lucro absurdo no começo não tinham porque terminar de forma rápida e sensata, enrolaram até não ter mais o que extrair e inventar na história para lucrar mais.

  • Isso é opinião de quem odeiou por algum motivo fútil e quiz engrossar o caldo. Clichê ou não o que faz uma produção dessas pegar fama não é os clichês – supondo que DN não tenha ideias ‘originais’ – mas sim a mistura exata de clichês. Não acredito que DN seja clichê, mas se vocês insiste nessa análise pessimista eu afirmo categoricamente: DN é clichê de primeira qualidade!

  • Yago

    A anime era realment incrivél até a morte de L, e pra mim o o climax do anime é quando L se algema com yagami, akele epsodio concerteza foi um dos mais fantastico que já vi …

    Resumindo depois da morte de L o mangá/anime perdeu sua essência, mais mesmo com isso considero um do melhores que ja vi até agora.

  • Cray

    Concordo em um fato de seus argumentos Death Note começou genial e terminou um pouco abaixo do que todo mundo esperava. Mas pense bem isso acontece quase sempre quando alguém tenta extender um trabalho que já foi totalmente planejado não é verdade? Outra coisa ” Kira ” sempre foi o protagonista,” L ” era o personagem secundário que conquistou a carisma de boa parte do público graças ao seu jeito astuto e excêntrico de ser, além de que apesar dos clichês e tudo mais a maior espectativa sempre foi de saber oque aconteceria ao Kira, se ele seria pego ou não.
    Na minha opinião,respeitando a do redator deste post, Death Note foi um excelente anime no qual L se mostra capaz de descobrir quem é Kira porém ele ( “Kira” ) tem um trunfo maior guardado oque consegue fugir e se torna a primeira vez em um mangá que o Vilão (Protagonista) consegue matar um Herói(sendo ele coadjuvante). Foi simplesmente fantástico e ainda acredito nisso… pelo fato de L ser o heroi o pessoal se afeiçou a ele mas Kira era o foco com o death note.

  • Voê foi um dos poucos sensatos que não saíram xingando ao invés de expor suas idéias de modo organizado, coerente e respeitoso.
    Mss acredito que L tenha nos seus 24 episódios tido mais visibilidade que sua contraparte maligna.

  • Bom o Anime esta bom do jeito q esta mas seria melhor se estivesse muitoo mais q apenas 37 episodeos poo Caraa esse é o Melhor (Na minha opinião) Anime ja criadoo e não queria q acabasse cm apenas 37 episodeos.. deveria ter no Minimo 100 ..

  • muito bom mas eu queria que raito fosse o deus do novo mundo

  • Diego

    Concordo em partes com o que foi dito na resenha.

    Quando vi que haveria um segundo Kira, me empolguei com a ideia de que este poderia ser um assassino mais inescrupuloso que saísse matando qualquer pessoa.

    Seria mais interessante, pois o Light entraria em mais esse jogo pra tentar matar o responsável pela morte de pessoas inocentes, e com o L na cola do Light, achando que ele quem seria o responsável por tudo (o que deixaria o Light com as mãos atadas na maioria das vezes para tentar chegar ao segundo Kira, tendo que queimar muita massa cinzenta para fugir do L e conseguir mais pistas do segundo Kira sem levantar suspeitas para o L e sem deixar pistas para o segundo Kira).

    Seria muito mais emocionante, a meu ver…. rsrs

  • Felipe

    Concordo com o que o autor do topico falou, e com certos comentários. Sinceramente eu simplismente não consigo ver o episodios depois do 25 em que morre o L, e mesmo quando vi tudo pela primeira vez achei a segunda parte um verdadeiro PORRE, no momento que o autor matou o L ele simplismente encerrou a história na minha opinião, além que tinha que ser ele pra pegar o Kira não o zuado do Near.
    Além que a Misa foi uma tipica personagem de anime japones sem quase nada de interessante que a fizesse se destacar, além que certos momentos do anime são meio forçados.
    Death Note fez EXATAMENTE a mesma burrada do Dragon Ball, tremenda história no começo e desenrolar interessante com um final já definido, porem graças a ganancia dos produtores quiseram esticar a série e virou uma completa porcaria e sem graça o final.
    Seria interessante se fosse refeito a história, pegando só o comecinho e depois desenrolar uma tremenda história com um desfecho espetacular, COMO FULLMETAL ALCHEMIST BROTHERHOOD, aquilo sim que foi um anime/mangá SENSACIONAL, o autor não fez nenhuma burrada e fez um excelente desfecho, ninguem pode negar que o Brotherhood simplismente da uma lavada geral no antigo anime que foi feito.
    Mas o problema que o Fullmetal Brotherhood seguiu o mangá enquanto o outro foi só o começo e depois só enrolação da produção enquanto o Death Note foi como o mangá, então é dificil refazerem, apesar que ia ser show se fizessem, mas enfim.

  • Taiane

    Ainn,gente…eu não acho que ele quis dizer que L é realmente o protagonista,é que mesmo o Raito sendo o protagonista,a maioria das pessoas preferem o L.eu sou uma delas!
    Eu odiei quando o L morreu…achei que ficou um pouco chato quando apareceu akele Near ridiculo…#eca
    Mas eu gostei muito da participação da Misa,adoro o estilo dela.
    Ah,e convenhamos q tinha que ter uma mulher tbm né!!
    Amo DEATH NOTE*_*

  • Akatsu

    Também achei muito foda o FMA: Brotherhood. Aquilo sim foi um anime/mangá perfeito em vários sentidos. Depois de um certo numero de episódios, cada final terminava com um gancho(porra mas isso aí todo mundo faz não? Até faz, mas a diferença era que nesse você não sentia nada forçado, a historia desenrolava de forma natural).

    O DT seguiu bem até a morte do L, depois disso ficava visível o desespero do autor para continuar a série. E como mangá é algo modificavel(na medida do possível), ele podia ter visto que o L fazia muito mais sucesso que Kira, e por fim, ficaria melhor um cliche do Kira sendo preso e a Misa(é oque tem neh) tentando se vingar, bolando um plano de fuga… mas quem sou eu neh.

    Não sou fã de nada que estrapole o tempo da história(OP então que o diga. Muita gente gosta, não sei porque. Ele força a barra difersas vezes, mas ninguem consegue ver. Ta igual o CDZ, nunca achei graça em todo mundo ralar nas lutas, pro Seiya aparecer no final da um golpe e salva a pátria, mas e o resto? Não ganha mérito não?).

    O autor tem que entender que tudo tem um começo e um fim, tentar prolongar esse fim só vai estragar a obra. Quer fazer dinheiro? vai escrever roteiro de filme porno então.

  • Felipe

    Verdade, eu vi o OP e tambem não achei nada demais, e olha que o negocio já ta pra lá dos 400 epis eu acho O.o
    O mais ou menos que eu curtia era o Bleach, mas anda meio sem sal ele tambem.
    E o CDZ eu até concordo com você, eles focam muito apenas no Seya, como se os outros não ajudassem em nada, meio sem graça. Mas qual é bom mesmo é o Lost Canvas, esse CDZ é o antigo cavaleiro de Pegasus, muito bom e melhor que o atual.

    Quanto ao Brotherhood, sinceramente acho que nunca mais vamos ver uma história tão bem feita quanto aquela, o unico que eu pensava que salvava era o Bleach, mas atualmente ele anda fraco tambem, talvez estejam esticando a série, sei lá, apesar que o Bleach tem muita coisa ainda para contar.

    Mas voltando ao DT, acho que tava meio que na cara que o L tava ganhando do Kira no desenho e tambem na fama, poderiam ter feito aquele plano do Raito dar certo, porém poderia ter dado um jeito do L se salvar(Como eu vi uma vez num video no youtube que fizeram uma teoria do L se salva que quando ele estiver tendo um ataque cardiaco do death note e escrever o nome dele no death note iria anular o efeito, pode ser que sim ou não, vai lá saber) e continuar mais um pouco a treta entre os dois, apesar que eu sinceramente acho que o L ia pegar o Kira.

    Pode ser tambem desse jeito que se falou, ao menos teria sido mais interessante do que aconteceu mesmo, por que não faz uma fan fic? XD
    Apesar que pra fazer uma do DT ia dar um tremendo trabalho.

  • Henrique Telles

    realmente o final do anime é uma merda
    por que o L tinha q morrer?
    uma anime tão bem elaborado ñ deveria acabar sem graça desse jeito
    O L é quem tinha q capturar o Kira
    o Watari também era o braço direito do L…niguém considera ele importante não, é?
    me respondam uma coisa…o Ep 38 faz parte do anime ou foi criado por um fã idiota e sem noção?
    porque é uma porcaria, uma merda total… a voz nem é do L
    agora eu vou começar a baixar Evangelion e depois Naruto Shippuuden
    Mas ainda considero Death Note um dos melhores animes de todos os tempos, assim como Yu Yu Hakusho e FullMetal Alchemist, que também não teve um fina muito bom, mas são muito bons também

  • Gabriel Correa

    Adorei o Anime, porém o final foi horrível. Acho errado dizer que o L é o protagonista, até porque eu não gostei dele, sempre torci pro Light. Isso é subjetivo, cada um se identifica com um personagem. Concordo quando você diz que teve uma caída no meio, e que depois voltou a se erguer, porém como já disse, o final ferrou. Não queria que Light Yagami tivesse morrido… Ainda mais pro N.

  • Lê’H Guimarães…

    Os Dois Se Completam…
    Eu Não Acho o Kira Sem Sal Nem Açucar…
    Eu Acho Até Emocionante…
    Por Causa De Seus Pensamentos Insanos…
    E As Loucuras Que Ele Faz…
    Eu Adoro o L…
    Tipo o Cara Éh Foda (Assim Como Kira)…
    Muito Bom…
    Eu Só Não Gostei Por Que Primeiro Mataram L…
    Já Perdeu o Sentindo Por Que o Animê Girava Em Torno de L e De Kira: A História Se Baseia Na “Guerra” Entre Os Dois…
    Se Um Deles Morresse a História Ficaria Sem Sentido…
    Como Aconteceu…
    L Morre e Depois Kira…
    E Por Ultimo o Cara Que Mata o Kira (Que eu não lembro o nome por que faz muito tempo que eu assisti), Vira o “Novo” Kira…
    Muito Sem Noção…
    Mas, Para Mim Continua Sendo Um Otimo Animê…
    Genial…
    Mas,, Para Mim o Melhor Éh YYH e CDZ…
    Beijinhos…

  • Lê’H Guimarães…

    Desculpem Eu Esqueci De Uma Coisinha…
    Misa- Misa Éh Muito Chatinha…
    E Ela Só Atrapalha e Faz Merda…
    Não Serve Para PN!
    Coitadinhos De Kira e De L…

  • Soul Evans

    Kira é um ótimo personagem, L muito bom tambem, como ja disseram, os dois sao perfeitos pra serem rivais, mais me dizem uma coisa… q merda é aquela de near e mello? meu deus do céu, o near só comseguil pegar o kira por ja ter tudo “mastigado´´ pelo L, acham mesmo q o near seria capaz de pegar o kira se nao soubese de nada a respeito, como L começou? claro q nao, acham mesmo q ele descobriria q é um caderno q mata as pessoas, e a pessoa q escreve os nomes estao no japao? e lógo de cara descobrir a cidade? nunca!!! death note é um bom anime, mais com final decepisionante.

  • Nao venham com essas criticas do Death Note. É um anime muito bom, mas nao bate o melhor de todos: Fullmetal Alchemist Brotherhood!

  • Anderson the profissa

    Death note é um dos melhores animes muuudiais,pois é perto da perfeição!!!!!

  • Até decimo sexto episódio a história deu o que tinha de dar, o único defeito evidente foi a construção da personagem Misa Amane ela destoa completamente da atmosfera do anime sua personalidade não tem coerência com a história é algo fora do lugar, o segundo Kira deveria ter mesmo uma personalidade distinta mas, deveria é claro comungar com L e Light Yagami num ponto crucial e fundamental, a excelência perspicácia baseada em pensamento dedutivo ou qualquer coisa do gênero a Misa é apenas um fantoche com grandes poderes ela só se torna um pouca mais simpática por trazer humor na segunda fase anime (segunda fase a partir do momento em que Light abre mão do Death Note) fase que nem deveria ter existido a história chega no clímax quando “L” prende Misa e se convence que Light é Kira deveria ter acabo por aí com a elaboração de um ‘gran finale’ entre L e Light se confrontado, foi terrível ver L morrer no braços do Light obrigado a ver no rosto dele um sorriso de vitória.
    Depois da morte de L a história esfria muito se comparada ao inicio, apesar de tudo o autor soube segurar apenas com dignidade o enredo, coisa que teria feito com maior maestria se tivesse reduzido a história e permitido um confronto definitivo entre Light e L.
    Saber de uma versão ianque até aborrece vão desfigurar a trama e se fizer sucesso vão esticar tanto a história até momento em que ninguém mais dê um troquinho por qualquer tralha comercial vendida com o nome da historia.

  • Kira Dash

    concordo contigo ele é genial ,ele não é o vilão mas o grande heroi do anime,suas estratégias eram fabulosas e seu senso de justiça impressionante,ele poderia muito bem pega o caderno e fazer com ele algo que lhe proporcionasse vantagem ,o que ele fez : começou a punir os malfeitores de crimes que acabem com a sociedade,eu teria feito o msm.

  • Kira Dash

    é verdade ele é supremo no anime sensasional eu msm assisti a primeira temporada 9vezes cosecutivas,de tanto que fiquei maravilhado com esse anime e principalmente com o grande Kira

  • Kira Dash

    idem,ele é sensacional

  • Cherles

    Concordo com muita coisa que vicê disse, masão posso cncordar comtuo.
    Pra mim Death Note é o melhor aime que já vi, mesmo com alguns defeitos, mas qual anime não tem?
    Concordo que o L que era o principal, o Light era MUITO sem graça, eu me amarrava no geito excêntrico do L e DETESTEI a idéia estúpida de o matarem. A qualidade relente caiu muito com a morte dele. Pra mim ele deveria ter conseguido provar que Light era o Kira e este morrer ou os dois morrerem, seria interessante também.
    O Mello e o Near eram um fiasco, e no fim as coisas se desenrolavam meio sem sentido e o Near era mirabolante até demais pro meu gosto, muito forçado, não chegava ao pés do L.
    E a Misa estragou a história. Um terceiro elemento até que seria legal, mas não ela. Cara ela era insuportável e não acrescentou nada a trama.
    Mas… Continuo AMANDO o anime, afinal amar é relevar os defeitos ;P.

  • Erio

    L sempre foi o unico personagem q prestace eu assisti o anime por causa dele ate me sento como ele e horrivel q matam um manga/anime desse jeito devia ser crime!!!!!!!!!

  • Pingback: Berserk: Egg of The Supreme King – trailer do novo filme de anime recontará a história do mangá « Heroi X()

  • Vivian

    Eu concordo totalmente com o autor do post. Matar o L foi a atitude mais estúpida que alguém podia ter. Foi L concerteza que deixou as coisas nos seus eixos, e quando morreu, a história decaíu.

  • Junior

    Dica para os próximos textos:
    A palavra “houveram” não existe nesta forma de conjugação.
    É um erro grotesco.

  • Pingback: Blade – Marvel Anime e vampiros no oriente « Heroi X()

  • Matheus

    Deveria ter acabado bem no estilo “Sherlock Holmes”….. Os dois criavam alguma situação e acabariam morrendo juntos.

  • Pingback: Abertura suprema de Animes « Heroi X()

  • Juriadesu.

    Na Boa, não concordo que o L foi o protagosnista. O que acontece é que a maioria dos fãs, quando teve início o Jogo de Xadrez “Kira vs L” foram arrebatados pelo carisma do L. Isso é fato! A maioria dos fãs, inclusive eu, preferem o L ao Raito/Light, mas isso não torna o Raito sem Sal. Muito pelo contrário, a noção de justiça distorcida que Raito possuia, a forma como ele foi corrompido pelo caderno que tinha nas mãos, sua inteligência absurda e calculismo fazem dele um personagem MUITO interessante.
    A Raiva é que ele VENCE o L. VENCE SIM. Aquela cena FILLER do Anime que mostra o L “secando” os pés de Raito é justamente para mostrar que o próprio L reconhecia Raito como superior a ele. É difícil para os adoradores de L (Eu por exemplo), assumir isso. É por isso que para esses fãs (a maioria por sinal), os 12 episódios finais são horríveis de se assistir. Pega-se um ódio terrível de Raito, dos cegos da investigação (Ainda bem que Aisawa começou a pensar), e é claro, pega-se raiva do Near e do Mello, por que já se presume que a queda de Kira será perante esses dois personagens, os sucessores de L, e não perante o próprio L.
    Mas eu sou obrigada a admitir, a história volta a ficar empolgante nos episódios finais, tanto no Anime quanto no mangá. E ai vem o Gran Finale.
    O final FILLER do Anime foi um consolo para os fãs de L. Eu achei melhor que o final mangá. No final do Anime Ryuuku se mostra mais ameno ao matar Light. No Mangá Ryuuku se mostra cruél, mostrando pela primeira vez seu lado Shinigami e Raito simplesmente morre na frente de todo mundo, implorando para que Ryuuku poupasse sua vida. No Anime, Raito foge do galpão já ferido, começa a ter visões distorcidas da própria vida, e procura se esconder dos capangas de Near, Quando Raito tem o ataque cardíaco nas escadas ele tem uma visão de L antes de fechar os olhos. O final do Anime foi muito mais dramático,mas foi bem melhor na minha visão.
    Só sei que no conjunto da obra, Death note é brilhante, compensa muito ler o mangá até o final, mesmo que não concordemos com alguns acontecimentos. Pra mim não existe um Anime PERFEITO existe Anime BOM. Death Note é sem dúvida um deles. Mas acaba que em todo Anime, ALGUMA COISA ESTRAGA. Seja pela história repetiva, erros de roteiro, fillers excessivos, ideias do além dos autores (como matar o L uahuahuahu). Enfim. Terminei o testamento.

  • Na minha opniao o Kira tinha q ter conceguido escrever o nome verdadero do Near nakele papel q tinha escondido no relogio
    ai acabava historia com um Draw Game e com os mais inteligentes mortos
    isso pq ele jah tinha sido prolongado mesmo tbm acho q tinha q ter acabado com a morte de L = Kira Deus do novo mundo

  • Realmente Final Dificil de engolir,pra um cara q pensa em tudo como Raito ficou estranho e tbm por um simples fato faz tempo q eu assisti mais tpw soh pra consta eu li todo o manga e assisti todo o anime tbm
    ai tpw o Mikami naum era burro ele era tao inteligente q agradava Raito pq ele naum teve a ideia de no caminho do encontro entre Kira e Near escrever o nome de qualquer inútil q ele visse pela rua com os olhos de Shinigame e assim ver se o caderno era falço? Foi muito descuido da parte dele concerteza se fosse o Raito ele o faria eh muito cuidadoso eu Sabia q Raito ia acabar morrendo em algum momento por ter destorcido muito sua ideia de justiça,mais naum esperava q fosse desse jeito naum gostei desse final realmente clichê
    jah q ele inovou praticamente tendo um protagonista vilão(muitos descordao dessa ideia mais msm assim…)eu achei interessante,e já q chegou ao ponto de L morrer a historia deveria terminar com a vitoria de Kira
    agora mudando de assunto alguem tire-me uma duvida akela garota q aparece no final com capuz no meio de toda akela gente levando uma vela e dizendo: “Ao nosso senhor Kira”.Ela eh realmente a Misa?
    pode parecer Obvio mais eu apenas keria ter certeza, se alguem puder me tirar essa duvida agradeço.

  • rhícley

    Concordo… Mais não acho a Misa clichê,
    mais sem dúvida a morte de L afundou o desenho.
    Eu imaginava que L não estaria morto, e que sua morte era mais um plano
    brilhante do mesmo.
    N=tragédia

  • Mano eu naum disse q a Misa era clichê eu disse q o final do mangá foi clichê.Cara eu odiei o Final,eu tbm pensei q todo mundo tinha uma opiniao parecida com a minha pq eu torcia pelo Raito pra mim o L soh era importante pq era o unico com inteligencia no nível do Raito,a historia tinha q focar neles ateh o final pq no inicio dava a entender q somente L era um oponente a altura do Raito entao se um deles derrotou o outro tinha q acabar.No anime eu adorava ver Raito pensando em se tornar Deus do novo mundo,pensamentos sinistros.No decorrer do manga Raito foi ficando cada vez mais obcecado pela sua ideia de justiça q naum ligava mais pra ninguem nem mesmo pra sua familia,deixou bem claro q mataria qualquer um q entrasse em seu caminho,por isso acho q o autor ficou com medo de deixar alguem como ele terminar vivo e vencer no final de tudo,deve ser o medo das criticas e tbm ele quis esticar o mangá pra ganhar mais dinheiro e acabou criando esse final lamentável.Admito q o final foi emocionante mais naum gostei nem um poco.Nem os fans de L gostaram imagina alguem q torcia pelo Raito igual a mim,muito tenso!.

  • Rhícley acho q vc naum entendeu minha pergunta perguntei se é Misa akela garota q aparece no final do mangá,veja o capitulo 108 da pagina 15 até a 19 e me responda se for possível.

  • Victor

    Não é a misa SAPO, no volume 13 “How to Read”, os próprios autores falaram que é só uma seguidora de Kira, não é a Misa.
    Nesse volume fala que a Misa morre tbm. Provavelmente como ela fez o acordo dos olhos várias vezes ela encurtou seu tempo de vida. Mas existem expeculações que ela tenha suicidado. Por isso o sentido daquela cena final dela no Anime.
    A verdade mesmo é que o final da Misa não foi explicado, a única coisa que temos é a data da morte dela no Volume 13 tbm: Dia 14 de dezembro de 2011, quase um ano depois do dia 28/01/2010 (morte do Raito/Light/Kira).

  • Victor,pow valeu mano por me tirar essa dúvida e tbm eu nem li o volume 13,mais tpw ela fez o acordo dos olhos 2 vezes né?Mais o Remu morreu ajudando ela entao ele aumentou a espectativa de vida dela né?E tbm vc naum acha estranho o fato de ter sido quase 1 ano apos a morte de Raito?Isso me faz pensar se ela naum deixou algum filho ou filha de Raito antes de morrer pra depois ter algum tipo de continuação já q o mangá/anime fez tanto sucesso,tomara q tenha sido isso mesmo,eu adoraria ver uma estoria diferente de Death Note mesmo se o novo(a)protagonista naum tiver a mesma inteligencia de Light Yagami.

  • Victor

    Quando o Remu morreu ele aumentou a espectativa de Vida da Misa Sim, Mas pelo jeito não foi muito,já que ela morre quase um ano depois do Raito. Por isso existem evidências tanto que ela possa ter suicidado, quanto de ter chegado a hora da morte dela mesmo. Mas eu acho que não tem nada ver essa história de filho não. Raito deixou bem claro o tempo todo que não amava a Misa. O Raito deixou de amar tudo e a todos quando se tornou Kira, mantendo vivo apenas aqueles que convinham ao plano dele. Ele nem se entristeceu com a morte do próprio pai. E quanto a Misa, era bem capaz que ele planejasse matar a Misa caso vencesse o Near naquele galpão, só pra ficar livre do estorvo que ela representava pra ele. E se ela tivesse um filho do Raito jamais se mataria, se apegaria ao filho como nunca, e caso tivesse sido uma morte natural, com certeza a mãe de Raito iria cuidar do filho da Misa, seu neto, já que ela perdeu seu marido e o filho no caso Kira. Por isso, sinto dizer, mas pra mim, essa história de filho não ia colar muito bem, iria ficar clichê, uma clara tentativa dos criadores de tentar ganhar mais dinheiro com a história. .*

  • Realmente tudo oq vc diz faz sentido , na verdade eu tbm penso assim porém é estranho ela ter morrido quase 1 ano depois da morte de Raito do jeito q a Misa deixava bem claro q naum poderia viver em um mundo sem o Raito,faria mais sentido se ela morresse quase na mesma data q ele , eu tbm só toquei nesse assunto pq fan sempre tem esperança de uma continuaçao pra sua série preferida né?Mais acho q isso realmente naum vai acontecer até pq esse mangá já acabou faz tempo,acho q nunca verei um mangá taum interessante quanto esse.

  • L de cara é um dos melhores personagens do death note só juntando raito e L como inimigos a historia fica ainda melhor melhor ainda

  • César Henrique Xavier Rosa

    Finalmente uma crítica sensata a um bom anime que simplesmente desandou. Assim como você, tive a impressão de estar sendo enrolado a partir do momento que o caderno vai para uma empresa (yotsuba ou algo assim) e Raito vai para sua prisão voluntária, isso sem considerar algumas deduções tanto de Raito como Light que simplesmente não tem fundamento ou lógica, ou em palavras mais claras, difíceis de engolir. Ver aqueles policiais que pouco (ou nada?) fazem também é desanimador. Em resumo, uma ótima ideias que desanda durante seu desenvolvimento.

  • Gabriel

    Olha, realmente o Death Note tocou a perfeição mas após de entrada de pessoas a mais na historia começou a piorar muito, o Death note poderia ter acabado com o caso não terminado, kira perdesse o livro e todos permaneciam vivos de forma que não afetasse a sociedade.

  • q meda death note o principal morre por isto q o epsodio acaba no 37

  • guilherme jorge

    meu para o death note foi um anime que basicamente tinha como os dois (L e light ) tentassem um matar o outro sem ninguem nem saber o rosto de nenhum dos dois então o L tinha por questão de honra matar o kira mais o kira ou light como preferir sabia disso (obvio) então o L depois que perdeu a memoria meio que mandou o outro shinigame dar o seu death note para alguém que quisesse dinheiro e poder porque sabia que essa pessoa usaria ele para matar seus concorrente e tals.
    nisso eles acharam o seu suposto kira (um cara que trabalhava para uma empresa que tinha o nome parecido de comida)e nisso ele pegou o death note de volta e se lembrou de tudo
    AGORA PESSOAL PENSEM BEM PENSEM BEM SE O LIGHT DEIXASSE O L VIVO O L IA PERSEGUIR ELE DE NOVO POR ISSO ELE MATOU,ISSO PORQUE NUNCA O LIGHT TIROU SUA IDEIA DO NOVO MUNDO ENTÃO DE UM JEITO OU DE OUTRO O L TINHA QUE MORRER PRINCIPALMENTE DEPOIS DA NAMORADA DELE FAZER O ACORDO DOS OLHOS
    ENTENDERAM O LIGHT NÃO MATOU O L PQ QUIZ MAIS PQ DEVERIA PQ SE NÃO ELE NUNCA CONSEGUIRIA MUDAR O MUNDO…

  • Pingback: Comemoração! O Heroi X ultrapassou o 1 milhão de poder de luta! « Heroi X()

  • o desenho e excelente ate alguns capitulos depois cai um pouco mas mesmo assim e o melhor de todos que eu ja vi, minha opinião.

  • eu amo death note

  • Sinceramente do fundo do coração , você tirou exatamente todas as palavras da minha mente exceto quando fala ”mal” de Mello e Near , eu gosto muuuuuito do L e também acho que o anime foi estragado por causa de sua morte , mas Mello também fez um ótimo papel sendo ”O mocinho bravo e mafioso” mas no fundo se tornou um herói …
    Near foi só um cópia mal feita de L mas ele também atua muito bem na série , sei que muitos gostam do Oposto KIRA (Light Yagami) mas como L disse ele é muito infantil …

  • 96629517

    De fato e um ótimo anime, Pra não dizer que poderia ser uns dos melhores já feito… Mas os últimos episodios deixou muito a desejar
    Gostaria de ver um final épico cm o L e Light Sendo morto um pelo outro, esse sim seria um final digno, seria tão bom quanto o começo do anime.

  • Lucas Costa

    falando serio , eu acho death note umas das historias mais interessantes q eu ja vi, pq ele é cheio de revira voltas como o L ter morrido e outros acontecimentos , se o L pegasse o Light , a historia segueria os msm padroes como qualquer historia comun, uma coisa boa no death note é q vc escolhe o seu “Heroi” no anime , ou vc é a favor de L ou a favor de Kira , por isso eu acho umas das melhores historias, o criador teve q ser muito inteligente pra fazer as mentes de L e Light, é claro q tinha umas “caidas” nas historias como o Near e Mello mais a historia acabo bem, Na minha opiniao

  • MORTE DE L SEM SENTIDO !

    Acho qq L era o personagem mais legal da série , e o trocaram por Near , véei , Near pra mim é uma cópia fajuta do L. Todos estão contra a morte de L.

  • Light era um psicopata e isto é interessante mas não tinha carisma, L era tão estranho e genial ,concordo que foi uma falha gigantesca matá-lo no anime,”para mim o único digno de matar o Light era o L.”

  • João Paulo

    Não consigo criticar essa obra prima dos animes/mangá, não coloco Death Note como meu anime/mangá favorito, mas sem dúvidas é a melhor produção que eu já vi, ou seja, não concordo com sua posição e digo que a morte de L foi um aspecto positivo, pois deu a entender que L sabia que sua morte era certa, e serviria para que seus sucessores concluíssem a missão com êxito com as brechas intencionalmente deixada por L.

  • Eu nem ligo para este papo de “quem matou quem”! Só acompanhar, tudo vai MUITO BEM desde o início, mas quando entra a Misa entra na história começa a decadência. Depois Yagami faz a jogada dos cadernos que é tão difícil, mas TÃO DIFÍCIL de aceitar que engana até os shinigamis. Em seguida, a questão da “prisão voluntária” e a entrega do caderno para a companhia Yotsuba (ou algo parecido) tornam o anime tão enrolado e acabam sendo a gota d’água para mim. Tanto é que depois da morte de L eu nem assisti mais. Nem sei quem é Melo e Near. Não posso deixar de citar as conclusões que os dois teem com base em evidências tão superficiais e rasas que até Sherlock Holmes acharia engraçado e a participação pífia dos policiais da série, que pouco ou nada fazem. Minha opinião.

  • Tuany

    Concordo perfeitamente com o que vc disse. Eu achava DN o melhor anime de lógica e história já feitos ATÉ o episódio 25 onde o L morre. Claro que a aparição da Misa já deu inicio a detonação da série mas a morte do L, melhor personagem desse anime, foi a gota d’água.
    Que porra fizeram com esse anime dai pra frente? o.O
    Detonaram completamente a história. Ela fugiu dos trilhos, começou a ter histórias totalmente nada a ver. Provaram realmente o desespero do pessoal em continuar. E os dois sucessores do L vô te contar, são absurdamente ridículos. O Near é um pouco melhorzinho q o Mello (não que isso seja vantagem já que o Mello é um porcaria mesmo) mas mesmo assim jamais chega a um fio de cabelo do L. Ele é chato demais.
    Com a morte do L dá a impressão de que todo trabalho dele é em vão. Ngm nem fala dele mais……….. a morte dele deu realmente a impressão de q o que ele fez não serviu pra nada, mesmo que Near tenha usado suas descobertas (será mesmo? já que Watari apagou td antes de morrer e o Near pergunta pros policiais que andam com o Light, se alguma vez esse segundo L já foi suspeito de ser o Kira. Se ele usasse a investigação do L ele já deveria saber que suspeitavam do Light. É meio complicado mas com a morte do L e com o Near vencendo, deu a impressão de q o que L fez foi inútil.)
    O Raito é um personagem astuto, não interessante mas astuto. Ele é um dos melhores vilões que tem mas depois que L deu as caras ele roubou a cena do Light já que ele era diferente, apesar de que Light sempre foi um bom vilão.
    Pra mim o anime acaba na morte do L. Qnd eu vi a primeira vez eu só assisti até o fim por dois motivos. Primeiro pq eu tinha uma misera esperança de ele podia estar vivo e em segundo pq queria ver o Raito morrer. Senão não veria. Eu tenho Death note em DVD, baixei ele e gravei em dvd mas sinceramente se eu soubesse como ia ser, da morte do L e de como fica depois nem tinha perdido meu tempo. Assistir depois do episódio 25 pra mim é impossível – depois do 24 na verdade pq o 25 é mto triste. Chorei, fiquei mal qnd ele morreu e da forma que ele morreu. Provou seu coração inocente e bondade mas tbm foi humilhante.
    O pessoal tinha TUDO nas mangas pra fazerem esse ser definitivamente o melhor anime de todos e não o fizeram. Caiu tanto no meu conceito que hj em dia só o considero um bom anime.

  • No geral, considero um bom anime pelos ótimos momentos que teve (e a maioria esmagadora desses momentos, contaram com a presença do L. O duelo dele com o Light era fantástico e isso empolgava). A morte do L e o que ocorreu depois disso, foi uma bela decaída, a história ficou meio “suja”, com vários personagens tentando engatar a trama, que parou. Repetindo: DT se salva pelas ótimas sacadas que teve em seus primeiros 25 episódios e por apresentar um personagem tão cativante como o L.
    E pra finalizar, faço minhas as palavras do próprio Light Yagami no penúltimo episódio de DT:
    -Near…vc é muito inferior ao L.
    Bjo ^^

  • james

    gostei

  • esses dois carasa sao fuck vei duas mentes brilhantes nuna disputa emocionante

  • Pingback: Feliz Natal do Herói X e dos Simpsons! « Heroi X()

  • Oscar Junior

    Tenho uma ideia de como poderia ter uma terceira temporada do anime apos Light Yagame (kira) supostamente morrer…
    Na teoria poderíamos dizer que ha uma regra no livro, quando um nome de uma pessoa é escrita no livro duas vezes a morte dessa pessoa é anulada (deveríamos levar essa regra em consideração), portanto analisando que Light (kira) não morrer pelo 4 tiros que levou de Matsuda, mais sim pelo falo do Shinigame Riuk ter escrito seu nome no livro, levamos em consideração que no inicio do anime shinigame havia dito para Kira que ele próprio escreveria seu nome no death note, levando em consideração que light (kira) tinha em vista essa informação escreveria seu próprio nome junto ao shinigame, portanto Light não morreu, também vamos considerar que que light ja sabe o nome do Nier (N) portanto o matou. Mas a trama não acabaria ai, pois L que light (Kira) não descobriu seu nome, no entanto L também sabia da regra de escrever o mesmo nome duas vezes no livro anularia as mortes, sendo assim ele tambem escreveu seu próprio nome ao livro…. A partir dai damos asas as suas imaginações para a terceira temporada.

  • Death Note é meu anime favorito.
    mas concordo cm o que vc diz .
    uma Trilha sonora explêndida
    cm a Abertura um máximo.
    E um anime uma decepção.
    Pra mim death note acabou no Episodio 25.
    O L nao tinha que morrer . O Final era pra Ser Kira Vs L . Não Near vs Kira . Vey o Near ja tinha Quase tudo na mão , Graças ao L .
    Sinceramente me Decepcionou ‘-‘

  • Taah

    Death Note é meu anime preferido
    mas concordo que o anime acabou no episódio 25 o L nao poderia morrer . No final era pra ser Kira vs L . ‘-‘

  • Ulisses

    A batalha entre Kira e L era um duelo intelectual. No entanto, Kira dispunha de artifícios (mais de um) sobrenaturais para o seu “jogo” com L. A morte de L nos mostra que Kira era o protagonista desde o início e equilibra o QI entre os dois.
    Logo, os dois gênios (um legado muito justo) também não foram suficientes para derrotar Kira, dependendo enfim de um tropeço de alguém que não estava totalmente sob seu controle.
    Kira ser vencido por esse conjunto de fatores reforça e eleva o intelecto de L, que manteve seu embate com situações super favoráveis ao seu opositor.

    A saga Yotsuba também me pareceu arrastada. Mas ao seu final podemos compreender a sua necessidade: Kira provocou essa saga para escapar de L. O autor, na minha concepção, não tinha pra onde correr. A morte de L foi necessária. E com ela pudemos vislumbrar não só como Kira procederia, mas como o mundo reagiria a sua existência sem seu antagonista.

    Não tô defendendo o autor… mas me parece que para além de motivações financeiras, a história ganhou vida própria e terminou onde/como devia terminar.

  • William Haddad

    Eu acho que a história, do jeito que se seguiu, deveria ter terminado no ep. 25, tendo mais um episódio contando a vitória de Kira e as implicações no mundo. Ou então, que Rem não tivesse caído na armadilha de Light e sacrificasse seus sentimentos no lugar de se sacrificar por Misa, assim, L teria a vitória.

    Realmente não me interessava qual dos dois vencesse, desde que se encaixasse no roteiro. Assim, não teríamos que aturar mais ~4 horas de pura enrolação e definitivamente teríamos a sensação de que o final estava lugar certo, na hora certa. Faria mais sentido, seria mais prático, menos cansativo… simplesmente perfeito.

  • William Haddad

    Oscar Junior, sei que estou 3 meses atrasado, mas isso é impossível. Aparece naquelas quebras de cena que se um nome for escrito duas vezes no Death Note, as condições escritas primeiro serão aquelas que ocorrerão; que, uma vez escrito o nome da vítima, ela está marcada pra morrer e isso não pode ser mudado; e que, o único modo de anular uma morte seria se o nome fosse escrito em dois Death Notes com a diferença de 0,06 segundos, aí seria considerado uma escrita simultânea e não ocorreria a morte de tal pessoa.

    Como podemos ver, L não escreve nada enquanto Rem escreve seu nome; e Light não teria como saber o momento exato em que Ryuk escreveria seu nome, além do que, ele não tinha mais pedaços do Death Note com ele quando saiu correndo. Se o tivesse, teria se escondido para matar Near, não tentado fugir.

  • Gustavo Faria

    Concordo com tudo que foi escrito. Death Note é um mangá/anime que ainda me intriga muito, e não canso de ver e rever toda a série. Mesmo alguns anos após o seu término, quase todos os fãs ainda debatem seu final ou criam teorias sobre o que foi deixado nas entrelinhas. Talvez esse tenha sido o maior feito do criador, sabendo que sua história ainda durará muitos anos na cabeça dos leitores e viewers. Porém, em relação ao roteiro, poderia ter sido muito melhor. A morte de L foi o maior erro cometido. Em seu lugar, entraram Near e Mello, dois personagens sem carisma algum. Durante toda a série, Light se manteve um personagem intrigante, que foi evoluindo, se transformando. Porém, sem L, seu oposto, o yin do seu yang, muito se perdeu. O que poderia ser uma guerra que iria do segundo até o ultimo episódio, se transformou numa batalha com final sem gosto, onde Light é desmascarado com truques baratos. Assim, com seu principal adversário fora do jogo, a série perdeu sua essência.
    A segunda temporada não é um desperdício completo. Há alguns episódios bem interessantes, onde Near até consegue se destacar. Mas repito: Nada chega perto da “química” existente entre o Kira e L.
    Eu mesmo, para agradar o MEU gosto, prefiro acreditar que L ainda estava vivo, e guiava Near e Mello na investigação. Não chega perto do que poderia ter sido, mas ainda prefiro assim. Prefiro acreditar que, no final, a guerra sempre foi entre Light e L, e não entre Light e mais 5 ou 6 pessoas.

  • Light Deveria Viver Light é L Morre Perdi A Graça Light Deveria Pelomenos Termina Casado Com Misa Mais n Foi Como Eu Esperava

  • Eu não sou otaku ou otome,essas coisas…mas decidi assistir death note por curiosidade e me entrelacei no anime desde o primeiro episodio.Vi q tinha uma historia extremamente interessante,e o melhor,sem muitas cenas violentas,e ainda,o anime é curto.Isso me deu um alivio enorme.
    Um bom enredo e otimos personagens,o melhor da minha vida,e eu nunca vou me esquecer dele.Morri de tristeza quando o L morreu.Eu me identificava um pouco com ele,rsrs.Mas tirando isso o anime é realmente digno de um premio.

  • Dani Lobato

    Concordo, foi como se o anime tivesse terminado na morte do L e o resto foi “encheção de linguiça”.

  • Pingback: Shingeki no Kyojin - Um anime com o segredo do sucesso!()

  • Pingback: Goku vs Superman: O encontro dos mais fortes!()

  • Douglas

    Cara ,quando foi que o Raito disse que exterminaria deficientes e doentes??
    Desde quando o Raito é sem sal???
    Desde quando o L é o protagonista da estória????
    Parei de ler nessa parte do L protagonista……

  • concordo plenamente o anime foi estragado por falta de criatividade o jeito que o light morreu no final foi deplorável.

  • Eduardo Leite

    Essa estória foi muito boa mesmo pois vejo o anime pela segunda vez depois de 5 anaos e mesmo sabendo o que vai acontecer ainda fico ansioso e emocionado.
    O autor foi muito feliz ao criar o personagem raito, inteligente, frio, destemido e confiança pouca vezes vista.
    Eu torcia para raito pudesse mudar e se afastar do mal , mas não foi o q aconteceu que pena
    Torci por ele até o fim.
    Ele (RAITO)vai ficar em minha memória COMO UM DOS PERSONAGENS MAIS CARISMÁTICOS QUE CONHECI

  • Acabo de assisti e simplismente achei o Início louvavel e o final deplorável…

    Quer dizer que Light, mesmo depois de ter feito sua memória ser apagada, ter saído de todas as acusações que L fazia (obs: L nao fazia suposições, apenas certezas… o que deixava as coisas meio sem graça e irritante por vezes, deveria fazer uso de mais evidencias, mas enfim), uma a uma, acusação por acusação, ter manipulado pra um Shinigami morrer…Simplesmente é pego por um adolescentesinho meia boca que brinca de bonequinhos?

    Tudo bem que N pode ser um geniosinho, mas…. como assim de uma hora pra outra ele vira sucessor de ‘L’ e consegue fundos para agir com essa SPK? Ele nao pode nem querer sonhar ser o L ainda… L teve que batalhar muito para ser o que era, teve que simplesmente ter solucionado os casos mais dificeis, ter conseguido FAMA e RESPEITO!!!

    Pra mim, o anime deveria acabar com a morte de L ou de Light
    Mas já que a merda ja tinha sido feita com a segunda fase, Light deveria ter sobrevivido no final!!! E ter reinado como um deus da Justiça!

    E digo mais, pra mim Light sairia vencedor mesmo morrendo… mas NAO podia ter virado um cagao na hora da morte!!! Ridiculo aquilo, cagaram mesmo com a personagem!

    Light saberia que sua ideia de Justiça se perpetuaria pelo mundo por mais de milenios e a sua lenda simplsmente nao morreria assim do nada! Morreria Light, mas Kira, jamais… Ele renasceria no medo dos malfeitores, assassinos, ladroes e etc… E isso ele conseguiu atingir!

    Sabendo disso, morreria… nao feliz, mas tambem nao demostraria nenhuma emoçao e faria ateh Ryuk pensar que Light fosse um deus mesmo, pq nao expressaria nem terror nem sofrimento… contrariando assim a lei do Death Note, no qual a morte sofrida viria para aquele que usasse o Death Note….

    Alias, por ter tirado Ryuk do tedio, ele com certeza irá conceder o Death Note para os humanos..E uma hora ou outra, o Death Note cairia nas mãos de alguem como Light e seus ideais!

  • Allyson

    O L era um personagem carismático sem dúvidas, mas isso não o salva de sua derrota. Ele morreu com 95% do caso concluído, o próximo passo definiria o fim do caso, mas kira sabia disso e ja tinha um plano, o que resultou na morte de L. Near por outro lado é mais inteligente que Light e que L, essa informação podemos confirmar vendo no mangá vol 13 death note how to read(Near fala no final que L era superior a ele mas ele estava se referindo a questão de ser detetive e não em inteligência). Resumindo, Near>Light>L. Para quem não gostou da segunda temporada, eu acho que deveria ler o mangá. E se você não suporta ver personagens queridos morrendo, eu sugiro que nunca assista game of thrones.

  • Isabella Rocha

    Gostei muito de death note, muito mesmo. Um dos meus animes favoritos. Mas temos que concordar,o final foi horrivel. Todos nós sabemos que o verdadeiro final foi com a morte de L, ou seja, com a vitória de Kira. E uma coisa que percebo toda vez que assisto (sim, eu continuo assistindo,mesmo depois de toda essa palhaçada no final.) é que apenas jogaram Near e Mello para os fãs de L. Por que a maioria dos fãs de death note, são fãs de L. Eu prefiria a morte de L como final do que o final todo jogado como foi. O final que digo não é o ultimo episodio, mas os episodios que seguiram a morte de L. Percebi claramente a jogada de marketing com Near e Mello, até lembro de uma das frases de Light no anime ” Esse Near… Mas, parece que a minha luta ainda é com L” porque será? Por causa dos fãs. Posso estar totalmente enganada nesses fatos, até por que ainda não consegui ler o mangá, mas é o que sinceramente acho. Outra coisa que me decepcionou foi Misa. Ô menininha chata. Tá o tempo todo atras do Light, fazendo chantagens e sendo mimizenta ( me desculpem os fas dela.) Achei ela desnecessária. Foi ate bom ela como segundo kira, mas como voce disse no post, nao souberam aproveitar essa ideia

  • Jefferson

    Nossa uma história incrivel muito bem contada e desenhada pena q não tem sequência.. sim deveria ter light e L Deixaran Saudades no mundo animado e tudo……

  • Ola (parece que esse post demorou pra morrer e foi ressuscitado praticamente um ano depois)

    Então aproveitando esse super poste praticamente histórico vou deixar minhas simplórias observação pessoais a respeito deste super anime.
    Maravilhosas férias em que agente põem em dia os animes mais famosos e ainda não assistidos ou revê. (não li o manga e não lerei, pois independente das diferenças com esse final é irrelevante)
    Eu concordo com o autor do post, L é o protagonista, pois não é porque um filme começa com o vilão matando geral que ele é o protagonista, O protagonista sempre é o herói e visse versa (quando a história permite tais analises), mas isso (claro) é relativo a quem acreditamos ser o herói.
    Se achamos que uma pessoa que mata tanto criminosos como inocentes apenas para se proteger e realizar sua satisfação pessoal, então o Raito é um “herói”.
    Mas confesso que no começo é difícil “julgar” quem é certo e errado na história, mas o autor da as dicas importantes da verdadeira natureza sem escrúpulos de Kira (Killer) matando inocentes como simples peões no tabuleiro (comportamento comum em psicopatas que simplesmente não tem a capacidade de ter empatia por outros seres humanos).
    Como disse L no inicio do anime: “…ELE tem uma mente infantil…” onde os fins justificam os meios. Coisas comuns em teorias justiceiras de anti-heróis que não acreditam na justiça seja ela divina ou humana (só pra citar o mais famoso, Batman surgiu por trauma de infância, ou o próprio X-kira). Matsuda pareceu ter surgido como uma justificativa de Kira.
    Esse anime tem um história muito boa, porem como confirmei lendo a maioria dos comentários desse e de outros sites, concordamos que a história que era cheia de ótimas sacas e boas reviravoltas deu uma guinada fora de rumo e não voltou mais. Mas não lamento, pois a continuação deu uma oportunidade de passear mais um tempo nesse universo alternativo em que se passa a estória. O presidente dos estados unidos se rendendo ao kira foi impagável (ao menos no manga um japonês botou o pé na garganta do U.S.A, lembrou “Tókio no Terror”), mas não da pra duvidar que o final era no EP25 o que tornaria um final mais contundente, pois no mundo real a justiça representada por “L” nem sempre vence(ao menos na justiça humana…). E poderíamos considerar o anime uma bela e “perfeita tragédia grega” no sentido original e sem ironias.
    Mas para mim o mais interessante nesse anime independente do começo, meio e fim é o tema que mexe com a mente de qualquer um, pois quem não tem um “Death Note” mental ou uma “Lista Negra” como se diz no Brasil? Ou em dado momento da vida não o teria usado caso ele existisse, ou não gostaria de dar um fim as injustiças sem ter de “sujar as mãos” (contra políticos bandidos ou criminosos cruéis)? Hoje eu não tenho vontade de passar ninguém pro além, mas um dia quem sabe… 😉 ?
    E o roteiro fala disso, de um possível desdobramento de uma coisa dessas acontecer no mundo real e vejo que é por isso que a história faz sucesso, por falar da sede de justiça que a maioria de nós humanos temos. E acho que é por isso é difícil de julgar o certo e o errado nessa história, pois se agente não crer na justiça Superior o Raito estaria certo. Pois quem não quer que a justiça seja feita?
    Acho que é isso…
    Ps. o traço do anime e trilhas são muito bons…

  • É um animação seriada então tem suas infantilidades, estereótipos e momentos rasos e bobos. É o primeiro desenho que vejo em 14 anos. Mesmo com essas falhas, é uma obra-prima. Se virasse um filme ou seriado com trabalho de câmera no estilo do desenho, seria um espetáculo de imenso brilhantismo. Light é sim o protagonista, um anti-herói. A história é sobre ele, e o co-protagonista surge para dificultar e trazer tensão ao cumprimentos de seus objetivos. Leia livros sobre roteirização, dramatização etc, que você verá essas definições para protagonista e antagonista. Claro, que aqui o protagonista na verdade é o vilão e o antagonista é o mocinho. O anime poderia ter sido mais adulto e abordar questões humanas complexas – inclusive no Brasil de hoje a redução ou não da maioridade penal está em voga (vale notar que há uma referência ao nosso país, de mal gosto até, quando num episódio um ônibus japonês da linha 174 é sequestrado.),- como pena capital ou mesmo dúvidas internas de Light; mas não, Light acaba sendo um personagem raso onde quer eliminar a todos os maus e ponto. Misa Amane e Matsuda estragam a obra, tirando toda a seriedade com momentos absurdamente infantis e estereotipados. Apesar disso, Matsuda tem uma importante participação no episódio derradeiro, e fiquei emocionado com o desfecho do papel de Misa. Alguns episódios foram fracos e desnecessários. A fase do caderno sob poder da corporação Yotsuba poderia ter tido metade dos 9 episódios, ou até menos que isso. O final é épico e bastante simples e até previsível seria, mas como esperamos algo grandiloquente, acabamos não esperando o desfecho realista e bem coerente que teve. Uma trilha sonora estupenda, contundente e que tem papel ativo em nos impetrar tensão e emoção – mas em vários momentos isso acaba sendo um artifício barato, onde sem tais acordes musicais não sentiríamos as sensações desejadas pelos criadores. Por fim, não há exploração, nem abordagem sequer, da cultura japonesa. Em nenhum momento vemos personagens usando Hashi para comer, ou vestimentas nipônicas típicas, ou interior de residências de estilo da terra do sol nascente. É uma obra americanizada, bastante ágil e recheada de reviravoltas e mistério.

  • Achei sensacional esse anime. História e personagens muito interessantes. Concordo que caiu depois da morte do L, mas foi pq introduziram um personagem idêntico a ele. Esse tal de Near é uma cópia do L, foi por isso que causou repulsa logo de cara. Se fosse alguém com outro perfil talvez teria mais aceitação. Começou a ficar interessante de novo com o aparecimento do novo seguidor do Kira, gostei mto desse personagem. E achei que poderiam explorar mais o Ryuuk, ele foi sumindo antes da metade da série e teve episódios que nem apareceu. Pra mim, esse Shinigami é um dos personagens mais legais da história e merecia mais exposição. E como já falaram, trilha sonora fodastica. No geral, dou nota 9,5 de 10. Excelente!

  • P.ROAN7

    NOSSA anime/manga muito show, pena que acabou dessa maneira,já que L(personagem muito foda no anime)morreu teríamos que ser recompenossa dos com um final melhor ou pelo menos mais capítulos depois do 25,mais mesmo assim conssidero um dos melhores

  • Hirako shinji

    Em si eu achei o anime todo mt bom oq mais me encomoda mesmo sao essas capas do death note algumas horriveis do meu ponto de vista , por exemplo essa que a misa ta com essa roupa sendo q ela (pelo que eu vi) nunca usou esse tipo de roupa no anime , o outro fato e o L do jeito que ele ta na capa faz parecer que ele e aqueles cara das cavernas que nao tem qualquer tipo de modos humanos sendo que ele so e anti social e tem uma postura meio errada , isso tudo pramin conta muito quando uma pessoa vai verr um anime pela primeira vez , ela pode pensar, que tipo de anime estranho e esse , e acabar nem dando uma chance para o que pode ser um anime muito bom. Bom isso foi so minha opiniao porque isso sempre me incomodava em alguns animes.